blog de Escritor: Edson Fernando



(interação: Aperte CTRL + ou CTRL - para ajustar o modo de visualização)
Aproveitando as imensas facilidades do mundo on line e, também, aproveitando o imenso conteúdo que tenho de material escrito, resolvi transcrever uns livros on line.
É um projeto longo, acho que vai levar um tempo, mas as semente foram lançadas. E ora, os frutos, os frutos serão os mais variados possíveis, como agregar novos leitores e aumentar a minha visibilidade,além de proporcionar um pouco de diversão e cultura gratuitamente a todos vocês.Espero que gostem!

Boa Leitura, Leitores Amigos.

Esta publicação confirma a minha propriedade do Web site e que este Web
site respeita as políticas do programa e os Termos de utilização do Google
AdSense. partner-pub-0072061571065124

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 Unported License.






Visualizar perfil de Edson Souza no LinkedIn




Translate

Pesquisar este blog

Seja Bem Vindo, Amigo, Por Muito Tempo Lhe Esperei, agora, Fique à Vontade!

segunda-feira, 16 de junho de 2014

Aquilo Que Quer Nos Dizer




# Eis Que Está

Postagem 84 do Blog Livros do Edson


- Aquilo que quer nos dizer

#eisqtah


Oh Vida, como é ingrato ter que dizer tão belas palavras, para poucos ouvidos, e que nem ao menos nos ouvem

Enquanto todas as atenções se voltam para o infame, o baixo, o vulgar e o errado,

Mas não foi a humanidade sedenta de (in)"justiça" que saiu vitoriosa quando Jesus foi posto na cruz,

Muito pelo contrário, o choro e o ranger dos dentes estavam destinados àqueles que se deleitavam

Enquanto que o divino mestre ia exaurindo sua vida carnal, ao escorrer de seu sangue e de suas gotas de suor...

[pensamento solto, sexta feira 13 de Junho de 2014 - 6° Lua Cheia do Ano - do autor do blog, claro]

Dedicado a quem está descobrindo este blog pela primeira vez,

 sejam muito bem vindos!!



editorial: Suco de Abacaxi Com Soda

    Tem coisas que não podemos deixar de dizer, sabe? , onde mesmo se, sabemos que dizer não vai virar em nada e que, também, o outro, pode, nem sequer, compreender aquilo que estávamos a dizer, onde mesmo assim, nós dizemos - e as coisas aparentemente só pioram e nada, nada nada, absolutamente NADA se esclarece... Livros do Edson também tem dessas coisas (e sobre isto é o que esta postagem quer dizer - o que se quer dizer quando realmente se diz algo).

    Essa postagem é sobre a hash tag #eisqtah que elaborei enquanto andava pelas ruas, na última sexta feira 13, andava pensando e, por fim, acabei por dizer em voz alta "eis que tá", e foi mais ou menos assim→ ela (essa hashtag) significa "as coisas que se mostram a nós e a capacidade de cada um ver a coisa a seu modo"; visualize assim: a #eisqtah é igual quando você não concorda com uma coisa, mas para evitar confusão, diz um "é que tá", que daí, acaba por ficar tudo certo, e se a outra pessoa disser um "hãm, what?" - no sentido de não ter compreendido - apenas diga, é isso aí, aí que tá or there in this respect, que vai dar no mesmo...

    Fiquem a vontade, o blog foi feito para vocês, assim, comentem, compartilhem, ouçam, leiam, vejam e no mais, espero as suas visitas novamente, em novas postagem, ou mesmo para reler algum conteúdo mais antigo. Muito Obrigado, e até mais. Que vocês sempre possam escolher, sempre, os melhores passos em seus caminhos, sempre.



Assista aqui:



Vídeo U Tube - Racionais Mcs - A Fórmula Mágica da Paz






Saiba Sempre Muito Mais com Novos Conteúdos-Conceitos.

    Atualmente, muito se diz sobre o involutório humano (carne), sobre a saúde física, ou seja, as taxas de gordura, colesterol, os limites do corpo, diz-se mais, sobre os absurdos da civilidade nossa e de até onde o ser humano pode chegar com seus atributos corporais e sua falta de senso de ridículo e de posteridade. Isso tudo diz sobre as pessoas que se exibem fazendo sexo na web (de um modo ou de outro - respeitando a individualidade alheia), eu sinto muito pelas pessoas que querem fazer fama com seus corpos e suas performances na cama, desejando aquirir um milhão e um mil e um parceiros, e divulgando tudo por meio da web, via on line em seus canais da vaidade;  o mesmo vale para quem é jovem e quer conseguir milhares de seguidores mostrando seus corpos em "https", e suas juventudes - oh, sim! sabemos que a juventude tem uma beleza só dela - creio que em algum ponto deste blog, deve haver algo sobre Dorian Gray, personagem de Oscar Wylde, que desejava a juventude mais que tudo, mas, irônica e analogamente, um quadro (retrato dele) envelhecia por ele, que permanecia sempre bem e jovem, mesmo fazendo sempre esbornias (orgias) e bizarrices (mio - milho em português, no dialeto das ruas, quer dizer, dar espaço para o azar, ceder  brechas ao seu inimigo, seja ele quem for, e na rua sempre temos nossos inimigo...),  de qualquer modo, para concluir sobre Oscar Wylde, a imagem do quadro se deteriorando, é um contraponto, ao meu ver, do autor, sobre as vaidades e as tolices da juventude. Uma vez que para quem só considera o bas found (bafão), as festas, o fervo, a balada, a chácara, a casa das primas, etc e etc, mesmo se a pessoa tem pré disposição genética para isso, e aparentemente não esboce, sequer, sinais de decadência e desgaste físico, mesmo que a pessoa seja uma figurona da cidade, um aristocrata, se [não] fosse o caso, ao consumir das vaidades da juventude, não está só consumindo o álcool sem controle algum, não são só os dois ou três empendorfes de cocaína que foram cheirados, não foram só R$ 1150 gastos com as garotas de programa e a casa de prostituição, não, absolutamente não, nunca é somente aquilo que aparenta ser, quase nunca é apenas aquilo que eles te disseram que era aquilo que eles queriam te dizer - o quadro era que envelhecia, o quadro ficava cada vez mais transfigurado, com todas as coisas que Doriam fazia, como que mostrando, que era na alma, a própria beleza de Dorian, a beleza eterna e não passageira da juventude, era nessa parte, de si mesmo, que Dorian estava se perdendo, assim se ele não deteriorava a sua saúde física, estava, do mesmo modo, por acabar com a sua própria imortalidade e sua própria essência [se quiserem saber mais leiam, O Retrato de Dorian Gray, de Oscar Wylde].
    Assim, prezados leitores deste blog, povos de diferentes países, gostaríamos de dizer que respeitamos as diferenças culturais e de relacionamentos, mas, é nosso dever informar, que certamente, a juventude, a luxuria, a vaidade, o orgulho, as massagens no ego, as folias, as festas, etc, tudo isto é muito bom e necessário, mas viver em função disto (
mesmo um dj ou promoter não precisam ser da noite, para estarem na noite) e se sujeitar a tudo em virtude desses prazeres da carne, aí já é depravação, e pior, isto é muito complicado para seu aspecto espiritual, que acaba por se atrofiar de modo muito doloroso (não avançando na escala evolutiva) ou se decompondo em suas ânsias por mais do mesmo - que "apreciam ao extremo". O bom mesmo é ser um ser livre de amarras e prisões da alma. Isso é o bom da juventude, a liberdade sadia, a saúde plena, a esperança de dias melhores e não apenas o corpo e o "leco-leco" (o coito).
    Assim, sejam todos bem vindo a mais essa edição, atualização, de livros do edson, mas não esperem apenas coisas da juventude por aqui, mas antes, esperem coisas que lhes façam abrir mais ainda a mente, para que possam olhar cada vez mais longe - rumo ao infinito e a eternidade das coisas.
     Muito obrigado por me acompanharem aqui no blog, e também nas mixagens, no reverbnation, no soundcloud, no promodj (e outros sites), enfim, por me acompanharem no no microblog twitter, e no meu perfil do linkedin. Muito agradecido mesmo, de verdade, muito obrigado, onde quer que estejam!!! Boa leitura e audição. # Boas imagens , #eisqtah


            As pessoas irão ver o bagulho ficar louco,

            e a loucura que cabe na mente humana,

            quando enxergarem de verdade, até lá,

            muito riso e conversa fiada está lhes reservado.

            E quem disse que não foi assim que eles quiseram....



Um quadrinho de Space Man (Dugie)

 


legendas: fala de cima - Nós somos os donos do Capital! Somos nós quem contratamos, pagamos os impostos, ou seja, nós bancamos  as famílias, os sindicatos, as Igrejas, a sociedades,  o governo e até mesmo as outras entidades - que existem  para "prestarem serviços" somente para outras Empresas grandes (como essa nossa aqui). Enfim, Senhores, nós somos os donos do negócio.
 fala de baixo - Eu sou o cara do além, mas não sou anjo, nem o Santo Cristo, nem nada... eu sou Dugie, apenas. Vim de uma galáxia, que de longe, parece uma engrenagem cósmica, mas de dentro, é um emaranhado de órbitas, translações e outros movimentos cósmicos peculiares, que por mais que eu explicasse (ou tentasse explicar), vocês não conseguiriam ter os parâmetros necessários, aqui na Terra, para, enfim, poder compará-los.
Quadrinho em desenvolvimento


MEDIAÇÃO: Você Acha Bom ou Não?

    No Brasil, sempre houve um triple problemático em relação a questão da lide e do respeito ao direito do outro:

  • O problemática da justiça com dois pesos e duas medidas - o tratamento da justiça para com os "do colarinho branco" e o tratamento da justiça para com os "pobres";

  •  A não observância da lei - isso é geral no Brasil, por exemplo, na copa do mundo FIFA 2014, a fifa toca apenas 1 min de cada hino das seleções que jogam a copa, mas a torcida do Brasil canta mais um pouco da letra, em acapella, até o final da primeira parte, mas aí que está, segundo a lei, isso está errado, porque o hino do Brasil só pode ser tocado de modo fragmentado, quando se executa apenas a melodia, quando se toca a versão com a letra, deve ser executada toda a letra [a parte I e II], mas parece que isso ninguém sabe, ou então dirão, mas é canto, não se pode parar o canto, mas a consciência populacional poderia saber que existe uma lei que diz que o hino não pode ser interrompido quando se toca a versão com a letra, mas parece que não temos o direito de saber de nada, afinal é cantado mesmo, não é versão... e quem diz que "o povo cantar" não é, exatamente, uma versão?;

  • A lentidão da justiça no Brasil - processos que se arrastam (ou que são arrastados) por décadas e muitos nem desfechos tiveram ainda

        Agora, foi aprovado uma lei que trata sobre esse assunto e regula sobre as, também conhecidas como, ações extrajudiciais. Claro que o mercado extrajudicial não irá começar agora no Brasil, como no caso da regulamentação dos trabalhos dos auditores (e peritos), o mercado extrajudicial no Brasil já existe, ele só não era regulado senão pelo acordo entre as partes.  Mas a partir de 2014, a mediação foi regulamentada e a figura do Mediador, ou julgador extrajudicial, passa a ter suas decisões respaldadas, o que as obriga a ser cumprida, sempre que um acordo for fechado.

    Países como USA e países europeus, já conhecem, há tempo, os trabalhos dos mediadores, e o que antes, aqui no Brasil, era restrito a algumas questões complicadas, que pode-se dizer, que estas eram testadas antes no extrajudicial, para só depois partirem para a esfera judicial, agora veem que essa mesma ferramenta de decisão do processo, a ação extrajudicial, servirá não só de "feedback" de processo, mas será o próprio desfecho do processo, se houver acordo entre as partes.




Assista aqui:



Vídeo U Tube - Future - I Won (feat Kanye West)







POEMA INÉDITO:

 Os Narizes Sujos

 Que Parecem

 Os Narizes Brancos.

(exclusivo desta postagem)



_ "Calma, que eu já chego aí, mas

deixa eu fazer o meu "corre" primeiro

e relaxa, que ele não tem nada de treteiro.


Agora que eu parei com as baralhadas

continuo, é, com minhas noites chapadas

mas agora, a loucura é das misturadas das

minhas mixagens, meus cadernos e mais nada

além de um cigarro (um fumo) e água, 


Bem, pode alegar que as fumaças são como vícios,

mas, para quem largou o corote e a lata desmedidos,

- a noite, a farra e a esbornia também ficaram pra trás

e de todo modo mantenho minha essência em pessoa.


Continuo consumindo

mas agora consumo

produtos alimentícios industrializados;

Continuo falando "ideias quentes" & papo retos,

mas sem a necessidade da caixa de cerveja e

de outros negócios em cima, nada disso;

Agora a dança é espontânea; e o canto,

quando sai, é forte e emocionante,

não desafino mais tanto e nem deixo de cantar

para dar um gole do copo de cerveja e outro gole do copo de pinga".



Era assim que eu dizia a mim mesmo incrédulo,

que argumentava:

_ Mas você diz que parou com as coisas,

Mas você não bebe nem aos sábados?

E quem garante que você não apronta escondido? 

Você deve dar uns tiros, seu nariz tá branco...



_ Não está branco, está simplesmente sujo!!!



O outro eu, o eu verdadeiro, interpola:

_ Mas que absurdo! Vocês são um só,

ambos sabem que nós nos libertamos das amarras,

das nossas amordaças da alma, somos liberto, povo! 



Assim os quatro eus iam,

O Eu diz que é possível a libertação,

o Eu Desconfiado ainda teme uma recaída,

o Outro Eu, o eu verdadeiro, sabe da verdade

e o Eu Narrador, ataca de poeta e escreve esses versos.



_ Aqueles de lá, podem sim, olhar para nós e dizer,

"oh sim! mas é impossível a libertação, estamos todos danados aqui",

eles tem o direito de suas incredulidades, mas,

ocorre exatamente o que não esperam - o ciclo se rompe

o desejo é não mais desejar aquilo que nos consome,

eu desejo não mais tornar a  me alterar em disforme

sintonia com tudo que decai, aniquila, vulgariza e não sacia.



Que duvidem a vontade

 



Hey you: Wait! Halt.

Você, Espere um pouco.

    Sei como é difícil aguardar o sentido cósmico, quando parece que o mundo caminha cada vez mais para o caos, o vandalismo, o protesto, o ultra bizarro e o vulgarmente anormal - tratado como algo bom. As pessoas gostam de dizer que não existem dicotomismos, ou seja, que nem tudo é bom, nem tudo é mal, mas devemos ressaltar que sim, existem as coisas boas, da luz, que fazem você se sentir pleno e realizado, sem precisar superar ninguém para isso, e existem também as coisas más, forças da escuridão, que fazem você ter vontade de causar infelicidade ou dor ao mundo (ou ambos) para tentar suprir um pouco da sua infelicidade ou para ou outros sentirem aquilo que você sente. E sim, temos que nos esforçar para sempre ver e só registrar o lado bom, em tudo.

     Eu mesmo, fui um jovem rebelde, transviado, transgressor e subversivo, mas hoje, sei que a aceitação é o caminho (por isso sou tão contra o protestantismo), a resignação é muito importante, mas devemos fazer outra distinção aqui, temos também que chamar a nossa responsabilidade, ou seja, devemos desejar poder decidir, com o auxílio da Luz do Mais Alto, ou seja, apesar de termos que aceitar as coisas com paciência, também temos o poder de realizar as coisas de outro modo, pelas nossas próprias mãos ou corpos, ou ainda, pelas nossas mentes. Também estive pensando sobre isto esses dias: O Mais alto me pôs ao mundo, inteligente como sou, para observar as coisas e realizar as mudanças necessárias, e não  fui posto ao mundo, inteligente como eu sou, para analisar as coisas e realizar críticas ferrenhas dela, sem fazer absolutamente nada em contraparte para mudar a situação - pense sobre isto, o que você pode fazer? E o que você faz?

    Assim, prezado leitor, se está fazendo tudo certo e nada dei certo (até esse momento) para ti, em sua vida, há três opções: Ou está desejando inconscientemente outra coisa e fazendo tudo para ter exatamente a vida que tem (gostando dela ou não), ou deve estar por passar por uma prova/expiação, ou ainda, propositalmente, você pode estar se abdicando de algo, por associar seu fracasso a vitória de alguém, que lhe seja ou não prezado, detalhe importante. Este último caso acontece, quase sempre, quando seu pensamento vive afirmando que você não é capaz e não merece ser feliz e você se entrega a essa coisa toda. O primeiro caso diz de quando, por exemplo, dizemos, eu quero trabalhar, mas a pessoa não vai atrás de um emprego, nesses casos, ela diz uma coisa, mas os hábitos e posturas dela dizem outra coisa. E quando é a vontade de Deus (lembre-se os espíritas dizem nós escolhemos as provas, de acordo com o que já tenhamos em nossa bagagem evolutiva), ai meu amigo, bem camarada, nesses casos, é reza sincera e sacrifício silencioso; e para as outras crenças, façam como quiserem, já utilizei tempo demais deste blog para esclarecer meu ponto de vista, por hora, fiquem apenas por suas próprias e estritas contas.

    Mas eu garanto, quem espera com Deus nunca perde; Deus não planeja, nós somos quem devemos ficar prontos para servir os Desígnios Dele; e se demora um pouco para obtermos aquilo que pedimos, em oração secreta com o nosso Deus, isto é apenas para nos depurar, ou quando não, porque assim é a nossa cruz, afinal, irmão, se Nosso Mestre teve que carregar a sua própria cruz, como esperar que nós, seguidores do cristianismo original, não tenhamos as nossas próprias cruzes? Sempre a saber, que Deus não gosta mais de quem Ele emprestou bens e riquezas, afinal tudo isso é puramente material, e nada de material nos será útil na nossa futura morada, no Mais Alto. E há muitas moradas na casa do Pai.



BANNER DO POST

Nosso Blog/este blog



arte Livros do Edson ( L= Literatura ; I= Independente ; V= Verdadeira ; R= Realista ; O = Onírica S= Sobressaliente [livros]. D= Desenho ; O= Outras Coisas mais, como [do].  E= Experimentalismo ; D= Design Gráfico ; S= Sons e Sets Mixados  ;  O= Obras de grandes Mestres  ; N= Nobilíssimos [edson])





  Ouça e veja aqui:



Vídeo U Tube - Legião Urbana - GIZ








quadro: Aquilo Que Vai Pra Você





ARTE DO POST:


(-1) X = 2X




Que a nossa mente serena e reflexiva

possa trazer inspiração, belos sonhos

e por fim, uma inesquecível verdade.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

obrigado por comentar, seu comentário será publicado sem passar por moderação.